Casa dos Contos Eróticos » Heterossexual » Realizei o sonho de comer a prima da minha namorada

Realizei o sonho de comer a prima da minha namorada

0 votes

Tudo começou quando fomos dormir na casa da prima da minha ate então namorada, uma branquinha de cabelo preto linda deliciosa tudo do tamanho certo.

Chegamos lá ela estava com um amigo hoje esposo, conversa vai conversa vem, bebidas risadas, eu e minha namorada fomos para o quarto, logo ela veio para arrumar o quarto risadas brincadeiras, eu já agarrando minha namorada passando a mão, a prima dela entrou no meio e começou meio que quase beijar ela pegar nos peitos .

Minha namorada levanta e vai tomar um banho deixando eu e a prima no quarto sozinhos, dei umas passadas de mão mas logo minha namorada voltou, a prima já logo  agarrando minha namorada achei que as duas iam se pegar tirou a blusa passando a mão eu assistindo aquilo louco de tesão, ela saiu do quarto não aguentei peguei minha namorada e já coloquei o pau na boca dela ela chupou como uma louca , coloquei ela de quatro e comecei a chupar sua buceta ela não aguentava gemia e gritava, logo escutei no quarto ao lado gemidos da prima dando para o amigo, minha namorada escutando ficou louca com o gemidos e gemia mais alto ainda, que loucura gozamos como um louco.

Foi onde tudo começou, deitamos e dormimos assim foi o sonho que espero realizar.

No motel com a prima da minha namorada

Encontrei com a prima pra gente almoçar, comemos rimos, bebemos e logo a conversa fora nossos casamentos que depois de anos entrara na rotina e já estava complicado ai toquei no assunto daquela noite ela me disse que escutou nossos gemidos e também ficou muito excitada, logo saímos entramos no carro sem falar nada foi direto a um motel, ela de calça e uma blusinha branca de amarrar nas costas deixa a mostra sua barriga e salto alto, deliciosa
entrei ela ficou inquieta mas como já estamos lá acabou não falando nada.

Entramos na garagem sai do carro fechei a portão abri a porta do carro e dei a mão para ela sair do carro, ela saiu eu já dei um beijo delicioso na boca dela ela retribuiu parecia que também queria muito
falei a ela :
– vamos entrar !
– não, você vai ficar aqui ate eu te chamar

Fiquei ali sentado no capo do carro na aquela época eu ainda fumava fiquei fumando, passou uma meia hora abre a porta as luzes todas apagadas tudo fechado só vi o vulto e ela vindo caminhando quando chegou na luz da garagem eu quase tive um treco. Ela fala assim:

– é assim que vc gosta né lingerie sexy maquiagem pouca e salto alto ? vc deu sorte não tinha nada programado mas eu tinha isso na bolsa a alguns dias que comprei.

Ela se aproxima quando eu ia agarrar ela me surpreendeu e não deixou eu tocar nela , me chamou com os dedos para acompanhar ela , foi na minha frente desfilando aquele corpo com espartilho branco cavado meia e salto alto reacendo a bunda e seios hoje com silicone mas proporcional lindo, nem parece, me colocou sentado na cadeira de sol ao lado da piscina subiu em mim e começou a me beijar bem devagarinho, um beijo molhado fazendo sua língua trabalhar em minha boca, meu pau já duro, ela sentada em cima pressionava a buceta no meu pau.

Beijou vários minutos sem deixar eu colocar a mão nela, eu estava louco , me fez levantar me levando em frente ao espelho, beijou minha boca tirando minha camisa e abrindo minha calca tirou me deixando só de cueca, beijou puxou minha mãe em seus seios ai comecei a beijar e passar a mãos nos seios e bunda sem tirar a lingerie logo ela veio por traz de mim e escorregando suas mãos em min foi abaixando minha cueca e com a outra pegando no meu pau roçando aqueles peitos em minha castas, pegava com força mas deslizava devagar , veio a frente me beijo e foi abaixando beijando meu peito mordendo meus mamilos minha barriga ate chegar no meu pau achei que ia gozar ali.

Ela pegou com força meu pau, não é grande, mas é grosso, ela começou a passar a língua, quando menos esperava ela abocanhou com toda volúpia e começou a chupar muito, antes de gozar eu a interrompi, a levantei peguei ela por traz e fui tirando sua lingerie só deixando de salto alto onde deixava do tamanho exato pra meu pau encaixar por baixo da bunda dela e comecei a beijar seu pescoço e pegar nos seios por traz, coloquei minha mão na buceta dela dei uma puxada para traz e o pau entrou ela estava molhada já pegando ela pelos cabelo a puxando por traz, socava com toda vontade que meu desejo de toda minha vida pedia ela urrava.

A coloquei de quatro na cama e socava, ela gozava feito louca, deitei na cama pronto era o que ela adorava , eu já sabia por que conheci alguns amigos que tinha comido ela , e me disseram que ela gostava de cavalgar , deixei ela subindo e descendo engolindo com buceta meu pau ela socava rebolava eu chupava os seios beijava ate que ela começou a tremer parecia que não ia parar mais escorreu pelo meu pau seu liquido maravilhoso de tanto que ela gozou foi uma loucura maravilhosa.

Contos de Sexo Relacionados

  • Traição 8 meses atrás

    Traindo meu marido

    Olá pessoal, quero contar uma aventura sexual verídica que ocorreu algum tempo atrás. Minha primeira e única traição, decidi compartilhar pois consigo colocar para fora minhas tensões escrevendo. Atualmente...

    LER CONTO
  • Sexo 1 ano atrás

    Meu amigo negão comeu meu cuzinho

    Olá, vou contar uma aventura que se passou já a um tempo. Em um determinado dia encontrei  um ex amigo da faculdade. Estava sem pretensão nenhuma de ter uma aventura sexual. Ficamos durante algum tempo...

    LER CONTO
  • Heterossexual 1 ano atrás

    Realizando a fantasia do primo

    Tudo começou quando retornei para a cidade onde meu primo mora, quando era mais nova morava por aqui, mas ainda era inocente. Não havia vivido metade das malícias que vivi. Já de primeiro momento tivemos um...

    LER CONTO
  • Traição 2 anos atrás

    Dei para meu padastro

    Me chamo Ana (fictício), tenho 30 anos, casada, uma filhinha, moro no mesmo prédio da minha mãe. Certo dia estava eu, meu marido, minha filha e meu padrasto Gil (fictício) na piscina do condomínio. Determinado...

    LER CONTO
  • Buceta 1 ano atrás

    Sexo com minha gerente

    Boa Noite. Tenha uma namorada, e na época eu já namorava ela. Tenho 25 anos, 1,82 de altura e 85 quilos. Quando eu entrei pra trabalhar nessa empresa a gerente do Rh da empresa já despertou uma coisa muito gostosa em...

    LER CONTO
  • Sexo 2 anos atrás

    Dando o cuzinho para o médico

    Nessa pandemia tá difícil demais eu numa seca terrível doida pra fuder gostoso, sou branquinha 1.60, raba grande, seios médios noiva de um trepador que não come cu de jeito nenhum, eu sonhando em dar meu rabino, já...

    LER CONTO
  • Traição 1 ano atrás

    Comi a vizinha casada

    Olá, tenho 26 anos, solteiro, 18 cm de dote, esse é meu primeiro conto. Vou contar o dia em que transei com a vizinha casada. Eu trabalho muito durante a semana e folgo nós finais de semana por morar sozinho só...

    LER CONTO

Deixe seu comentário