Casa dos Contos Eróticos » Sexo » Presenteando o namorado com um cu apertadinho

Presenteando o namorado com um cu apertadinho

Já estou namorando a quase dois anos, meu namorado já tentou por várias vezes mete no meu rabinho, mais tenho medo. Semana que vem é seu aniversário, e eu prometi a ele que teria um cuzinho só pra ele.

Notei que ele ficou eufórico com a notícia que comeria um rabinho. O que ele não sabia é que seria o cuzinho de uma travesti.

Uma amiga travesti muito linda, ninguém diz que não é uma mulher, combinei tudo com ela, e no dia marcado me ligou confirmando tudo. A noite deixei ela no meu apartamento, sem que ele soubesse e fui ao seu encontro.

Falei que dessa vez não iríamos para o motel, que queria que fosse em minha casa. Dava pra notar sua excitação e euforia.

Quando chegamos ele foi logo me beijando e passava a mão por todo meu corpo. Eu também estava louca pra ver qual seria sua reação. Ele começou a apertar minha bunda e falou:

-É hoje que vou comer seu cuzinho?

Então falei:

-Você vai ter seu presente, mais não é o meu cuzinho que você vai ganhar. E chamei minha amiga.

Ela estava linda, e provocante. Notei que meu namorado ficou um pouco desapontado, pois ele queria mesmo era o meu rabinho. mas ao mesmo tempo ficou surpreso com minha atitude.

Ela se aproximou e logo deu um beijo no seu rosto. E falou:

-Estou pronta pra você matar seu desejo.

Nesse momento passou a mão no seu pau. Fiquei com um pouco de ciúme, mais me controlei. Ele parecia estar em êxtase, ficou sem saber o que dizer.

Então fui tirando sua roupa e deixei ele peladinho. Fiz ele sentar no sofá e comecei a chupar seu pau. Fiz sinal pra minha amiga me ajudar, e sem nenhum pudor ficamos as duas chupando o pau dele.

Presente para o namorado: meu cuzinho apertadinho

Comecei então a tirar minha roupa e em pouco tempo estava cavalgando naquele pauzao gostoso. Enquanto eu cavalgava ela chupava meus peitos, e o beijou na boca. Tive medo que ele não aceitasse, mais foi tranquilo. Ele correspondeu e começou a passar a mão na bunda dela. Então decidi que era a hora. Me afastei e falei pra ela:

-Agora é sua vez!

Ela imediatamente se aproximando começou a sentar no pau dele. Eu podia ver seu pauzao entrando no cuzinho da travesti. Logo ele sumiu e estava todinho dentro.

Ela subia e descia fazendo seu pauzao escorregar pra dentro e pra fora a todo instante. Eu já tinha conversado com ela e me falou que o difícil era a primeira vez, e que depois ficava gostoso. Eu não podia acreditar na facilidade com que ela engolia todo aquele pau com o cuzinho.

Depois de um tempo meu namorado anunciou que ia gozar e deu um gemido alto e encheu o rabinho dela de leite. Quando ela se levantou estava com um ar de satisfação, pude ver seu gozo escorrer por suas pernas.

Tomamos um banho e dessa vez fomos para o quarto. Coloquei meu namorado sentado na cama e comecei a chupar seu pauzao. Eu estava de quatro chupando ele quando minha amiga começou a beijar minha bunda e a lamber meu rabinho.

Nunca deixei meu namorado fazer isso com medo que ele fosse além, mas ela eu deixei, em um determinado momento ela enfiou um dedo no meu rabinho. Levei um susto mais confesso que estava muito gostoso. Ela então falou:

-Sinta como é bom!

E movia seu dedo dentro do meu rabinho.

Aquilo foi me deixando louca de tesão. Não sei o que me deu que comecei a pensar na possibilidade de deixar ele enfiar seu pauzao no meu rabinho. Fiquei com a imagem dele entrando e saindo do cuzinho da travesti. E imaginando como se fosse no meu.

Mais uma vez comecei a cavalgar nele gozando seguidamente.

Em um momento ele escapou de dentro de mim e passou forçando meu rabinho, levei um susto, mais não senti dor. Nesse momento a travesti passou alguma coisa na minha bunda e no pau dele e falou:

-Tenta, é gostoso, vai doer um pouco, mais só no início.

E pegou no pau dele direcionando pra entrada do meu rabinho. Começou a beijar meu pescoço e nuca e dizia:

-Deixa o corpo descer devagarinho.

E ao mesmo tempo massageava minha bunda.

Deixei descer um pouco e pude sentir que seu pau estava bem na portinha, começando a forçar a entrada no meu rabinho. Não sentia dor, então deixei descer mais um pouco. Senti meu rabinho começar a abrir, sentia uma sensação estranha mais gostosa.

Minhas pernas tremiam, não sei se de medo ou prazer. Deixei descer mais um pouco e comecei a sentir dor, pedi ao meu namorado que ficasse quietinho e não se mexesse, fui deixando o corpo descer e senti quando a cabeça entrou.A dor aumentou, mas estava tão gostoso que não consegui parar, e continuei a deixar o meu corpo descer. Senti entrar mais um pedaço. A travesti então falou:

-Se abre mais, relaxa o cuzinho, deixa ele entrar!

Nesse momento ela lambuzou mais um pouco o meu rabinho e eu fui deixando o corpo descer mais um pouco. Ela então falou:

-Já entrou a metade, o pior já passou!

Então deixei o corpo descer até sentar no colo dele. Agora ela disse:

-Está todo dentro, relaxa e aproveita!

Minha sensação era de alívio por ter conseguido. Doía muito mais mesmo assim comecei a dar uma pequena rebolada sentindo ele mexer em tudo dentro de mim. Ele então começou a forçar meu corpo pra cima e pra baixo, e me fez gozar com seu pauzao cravado no cuzinho. Quando senti o calor do seu gozo inundando minhas entranhas foi uma sensação incrível.

Foi a primeira vez que ele gozou dentro de mim!

Quando me levantei vi algumas gotas de esperma caindo do meu cuzinho. Me senti orgulhosa, era um misto de prazer, realização e curiosidade.

Depois desse dia perdi o medo, e agora sempre que transamos eu faço questão de dar meu cuzinho.

Contos de Sexo Relacionados

  • Comi a prima puta da minha ex

    Moro ao lado de uma amiga da minha ex mulher, ela é muito bonita, gostosa mesmo, um rabão, sempre fui ligado nela, mas como estava casado e ainda mais prima dela eu não iria dar em cima, mas coincidentemente ela veio morar do meu lado, demorei um tempo pra falar com ela,...

  • Minha esposa com o lavador de carros

    Olá, meu primeiro conto aqui no site, vou começar com este que me dá tesão sempre. Minha esposa tem 1,60, cabelos pretos lisos, peitos grandes em pé, coxas grossas, uma bunda grande, um tesão, vou colocar o nome aqui de Kely(*). Certo dia ela me disse que o cara do...

  • Dando o cuzinho para o médico

    Nessa pandemia tá difícil demais eu numa seca terrível doida pra fuder gostoso, sou branquinha 1.60, raba grande, seios médios noiva de um trepador que não come cu de jeito nenhum, eu sonhando em dar meu rabino, já pedi e meu noivo não aceita. Enfim comecei a trabalhar...

  • Esposa safadinha na balada liberal

    Olá, eu 46 e ela 37. Ela uma morena deliciosa... bunda grande, peitos normais sem silicone... delicia. Sempre fui afim de ir numa casa de Swing ... Aos pouco fui colocando o assunto. No inicio ela foi resistente, mas como também gosta de um pouco de sacanagem, foi cedendo. ...

  • Meu amigo negão comeu meu cuzinho

    Olá, vou contar uma aventura que se passou já a um tempo. Em um determinado dia encontrei  um ex amigo da faculdade. Estava sem pretensão nenhuma de ter uma aventura sexual. Ficamos durante algum tempo conversando e matando a saudade. Ele me ofereceu carona e eu...

  • A praia mais gostosa com sexo em público

    O relato que farei a vocês foi a experiência mais maravilhosa que eu tive na praia com o meu namorado! E ele, é muito gostoso, tem uma pegada que ao mesmo tempo é selvagem, bruta, mas carinhosa, com amor sabe? Alguns anos atrás, ele me presenteou com uma viagem...próximo...

  • Sexo: Rapidinha no cinema

    Olá, tudo bem? Meu nome é Marcelo, estou passando para deixar o meu relato sexual. Nunca imaginei que pudesse passar por uma situação do tipo, mas para tudo na vida existe uma primeira vez. Minha namorada queria muito assistir o filme que estava em cartaz no cinema, pelos...

  • Masturbando e chupando a sobrinha da esposa

    Tenho 27 anos de casado, amo minha esposa, mas não fazemos mais um sexo como era antes, éramos dois safadinhos, transávamos em todo lugar, até na sala com a mãe dela dormindo, e botava ele pra gozar, ela se apaixonou por mim, mas se apaixonou mais ainda no meu oral, eu...

  • Meu namorado comeu meu cuzinho

    Olá, tenho 23 anos. Me considero uma mulher atraente. Sou alta, coxas grossas, e um bumbum lindo. Há seis meses fui para a cama com meu namorado, ele foi meu primeiro homem. Perdi minha virgindade com ele, por vontade própria, ele sempre me pedia então resolvi...

  • Comi a casada coroa carente

    Olá.  Tenho 35 anos e desde sempre me interessei por mulheres mais velhas do que eu. Gosto bem de uma coroa. Sou professor escolar e, portanto, estou sempre de olho nas mães dos alunos. Certa vez, uma mulher de 45 anos, começou a me dar mole. Pela posição de professor,...

Deixe seu comentário